7 Jul | Mitos e factos sobre o glifosato. O que sabemos exactamente sobre o assunto?

7 Jul | Mitos e factos sobre o glifosato. O que sabemos exactamente sobre o assunto?

Em Abril deste ano uma iniciativa da Plataforma Transgénicos Fora em colaboração com o Detox Project evidenciou níveis elevados de glifosato na urina dos 26 voluntários Portugueses e em alguns alimentos analisados como a aveia e a farinha de trigo. O glifosato é o componente principal do Roundup, o herbicida mais vendido globalmente e com forte presença em Portugal. Segundo a Agência Internacional de Investigação para o Cancro da Organização Mundial de Saúde (OMS) o glifosato é potencialmente cancerígeno para o ser humano. Estes resultados lançaram o alerta para a sociedade, em particular pela presença em alguns alimentos e pela utilização pelas Autarquias em espaços públicos como jardins, estradas e passeios. Várias iniciativas políticas têm sido tomadas como a eliminação do seu uso por algumas Câmaras Municipais. A nível europeu, o debate tem sido intenso com forte oposição à reautorização da licença de uso em espaço europeu. Por outro lado, diversas instituições responsáveis, para além do setor agrícola e dos lobbies das grandes empresas com a Monsanto e a Syngenta, têm vindo a reclamar desta visão alegando que nada de conclusivo foi provado e que o uso do glifosato, assim como outros pesticidas e processos químicos, têm permitido aumentar a produtividade na agricultura e limitar a degradação dos solos e com isso limitar o avanço das fronteiras agrícolas e responder à pressão alimentar crescente que o aumento da população e a melhoria do nível de vida em algumas latitudes tem vindo a criar. Nesta sessão, com um grupo de especialistas representantes das várias visões e ângulos de análise iremos procurar respostas para estas questões.

Oradores:

José Franco, Câmara Municipal do Porto

Sérgio Rodrigues, Departamento de Química da Universidade de Coimbra

Sofia Guilherme, Universidade de Aveiro

Moderação:

Mariana Cruz, Biorumo

Para submeter a sua INSCRIÇÃO CLIQUE AQUI